• Colégio Esmeraldas

Pedido de um Adolescente aos seus Pais



PARA REFLETIR:

● Não me estrague; sei bem que não devo ter tudo quanto peço, só estou

experimentando você.

● Não vacile em ser firme comigo. Prefiro assim, isto faz com que eu me sinta

mais seguro.

● Não deixe que eu adquira maus hábitos. Dependo de você para distingui-los.

● Não me corrija na presença de estranhos, se quer que isso seja eficaz.

Aprenderei muito mais se me falar em particular.

● Não me faça sentir que meus erros são pecados. Isto confundirá meu senso

de valores.

● Não me proteja das consequências: às vezes necessito aprender pelo

caminho mais áspero.

● Não leve em conta quando digo: “Eu não gosto de você”. Não é você que eu

não gosto e sim o seu poder em barrar o meu caminho.

● Não me faça promessas irrefletidas. Lembre-se que isto irá me desapontar

profundamente.

● Não seja inconstante isto me confunde e me faz perder o referencial.

● Não me diga que meus temores são bobos. Para mim são profundamente

reais, e você pode fazer muito para tranquilizar-me, tentando

compreendê-los.

● Não insinue que é perfeito ou infalível. Ficarei extremamente chocado

quando descobrir que não é.

● Não pense que seria rebaixar ou diminuir sua dignidade, pedir-me desculpas.

Desculpas sinceras tornam-me surpreendentemente afetuoso.

Sei que talvez seja difícil para você, atender a todos os meus pedidos, mas

por favor, faça o possível, porque assim você estará me ajudando a ser uma

pessoa ajustada e feliz.


Bárbara Hudson

Tradução: Quely de Barros

26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo